Justiça Eleitoral busca propaganda eleitoral irregular no Sistema Mirante

Na manhã desta terça-feira (02), a Justiça Eleitoral cumpriu busca e apreensão na sede do Sistema Mirante de Comunicação, os Oficiais de Justiça estão a procura de material impresso do jornal O Estado do Maranhão, que fez continha notícias falsas contra as candidaturas de Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS).

De acordo com a decisão liminar, foram produzidos quinhentos mil exemplares, que merecem pronta apreensão por veicularem inverdades (fake news). A Justiça Eleitoral analisou as provas documentais apresentadas, constando que possuia elementos suficientes para justificar a concessão da medida de urgência.

Os títulos das matérias são “Políticos corruptos continuam seduzindo eleitores desavisados” – “Weverton é ficha suja. Eliziane Gama acoberta estelionato” – “Folha corrida de Weverton Rocha é de assustar. Ele quer o seu voto para escapar da justiça”.

Segundo decisão liminar da Justiça Eleitoral, o material impresso é de cunho difamatório, caluniador, injurioso e sabidamente inverídico.

Além do Sistema Mirante, as buscam também foram feitas no Comitê de Campanha do candidato a deputado estadual, Paulo Roberto Pinto Lima Oliveira, o Carioca, e também na sede do partido dele, o PRTB.

Deixe uma resposta